"Milhares de pensamentos passam em nossas mentes todos os dias, todos os segundos. O mundo gira, a vida passa, nada para! Presenciamos coisas, fazemos escolhas, formamos opiniões. Poemas e versos se fazem sem que percebamos, então vamos concretizar os pensamentos! A liberdade de falar nem sempre nos é dada, ou mesmo que dada, nem sempre nos convém falar. Bem-vindos ao meu mundo. Falemos o que pensamos!"







quarta-feira, 11 de agosto de 2010

Meus filhos

Sim, eu tenho dois filhos e gostaria muito de apresentá-los a vocês porque são as coisinhas mais gostosas da minha vida!

Essa é a Maggie


A mais velha. Na verdade não sei a idade exata dela, creio que ela tem uns 5, 6 anos.
É viralata porque nasceu de uma mistura doida de Poodle com Yorkshire.
A história dela lá em casa é mais ou menos assim: No final de 2007, sua antiga dona ia viajar, e como moravam em um apartamento, não tinham aonde deixá-la. Então, a antiga dona conversou com a pessoa que tinha dado a cachorra para ela, que é amiga da minha mãe, e perguntou se a Madona (antigo nome) poderia ficar com a gente (aff, deu pra entender?). Meu cachorrinho Léo acabara de falescer, estávamos muito tristes e abalados, mas aceitamos sem intenção de criar vínculos com ela.
Impossível! Ela é extremamente educada, chegou em casa e tinha medo de tudo, não sabia subir escadas (gente ela tinha uns três aninhos e não sabia subir escadas), super meiga, não latia, não brincava.
Perguntamos qual era o problema dela, por que ela era tão comportadinha assim.
Ficamos tristes ao descobrir que ela tinha uma educação extremamente rígida, apanhava, ficava presa e ninguém brincava com ela.
Partiu meu coração.
Bem, os tempos passaram e a dona não voltou para buscá-la. Achamos ótimo porque lá em casa tem meu irmão mais novo, e todos nós somos loucos por cachorros.
Escolhemos um novo nome à ela (Maggie), e pronto. A partir daí ela começou a ser mimada por nós, receber muito carinho, muitos cuidados, operamos para ela não ter filhotinhos (é não serei avó).
Hoje em dia ela é brincalhona, suuuuuuper carente, pede carinho para todo mundo que chega em casa.
Ela late, se sente a vontade, a levamos para viajar e ela fica bem comportadinha no carro.
É um amor a minha princesa, eu amo por demais essa fofura! Não é linda?!

Agora segurem os corações e os "ounnnns" porque vou apresentar o mais novo. O Apolo

Fará dois meses dia 15, é da raça Weimaraner pêlo longo.
Eu sempre fui fascinada por essa raça, meu sonho era ter um cinza de pêlo curto porque eu não conhecia os de pêlo longo. Mas não tinha espaço suficiente em casa para criar um cachorro desse porte.
Mudamos para uma casa com quintal bem maior, e a melhor amiga da minha mãe acabara de pegar uma Weimaraner lindíssima, a Penélope (cujo a ex dona também a deixou abandonada sem cuidados).
A Pê engravidou e eu fiquei doente por um filhotinho.
A dona me prometeu um e eu não sosseguei enquanto esses cachorros não nasceram.
Eu sonhava (sem brincadeira) com ele.
Então, para o fim da minha agonia e ansiedade, eles vieram ao mundo. Ainda tive que esperar longos 45 dias para desamamentarem. Me senti uma criança aguardando o presente do Papai Noel.
Quando eu cheguei em casa e o Apolo estava lá, enfartei.
Ele é o oposto da Maggie. Não é nada quietinho, é extremamente agitado, não para quieto um minuto, morde tudo, mas é super carinhoso e dengoso.
É impossível não se derreter com ele, gente, é muito gostoso.
O problema é que ele e a Maggie não podem ficar juntos porque ele já está do tamanho dela e judia da coitada...

Vejam agora o paparazzi dos meus filhos.




Quem vê pensa que ela para com esses lacinhos..rs..linda né ?


Um mês de vida. Não da vontade de morder ?



Quase dois meses. Dá pra notar o tanto que ele já cresceu ? Ta imenso e gooordooo...
É uma luta para conseguir tirar uma foto dele. Tenho que fazer um contorcionismo básico...rs

Bem, essas são as minhas delicinhas. Gostaram dos meus bebês ?
Duvido que você não  tenha dito "Ounnnn"

9 comentários:

Dil Santos disse...

Dani eu tô bem e tu?
Ai que fofos eles, rs. Eu disse Ounnnnn kkkkkkk
Ai menina, lógico que teremos nosso chá das 17:00, a gente combina direitinho, farei até uns biscoitinhos de coco que são minhas especialidades ahahaha
Espero tu no msn heim? ahahha
Bjo

Bruno disse...

FOFOS, seus filhos, viu??

Vc add a pessoa certa simmmmmmmm, pq achou que não fosse? rs

Bjão!

HSLO disse...

Ai eu queria o Apolo...ele é lindoooooooooooooooo.

Eu tenho um sobrinho ele é filho do meu irmão sabe, mais é o amor da casa...o nome é Garry...é um Cocker Spaniel, preto...lindooooo.


abraços

Hugo

João Francisco Viégas disse...

FEITO!
Quem não curte cachorros, boa gente não é!

Abração!!

Cacheada disse...

Posso dizer??
APOLO é coisa mais gostosa do mundo..
eu tive um tipo ele, mesmo fucinho e tal...
só que o meu era champangne, e ele nunca cresceu...
viveu comigo cerca de 3 anos e ficou desse tamanho de apolo, o nome dele era minuto...
heheh
exótico nome ne?!
era meu chodó, tão pequeno, tçao lindo, tão fragil..
até um belo dia em que o portão da fazenda tinha ficado aberto, ele saiu e foi atropelado!
=/
Eu já perdoei meu primo, mas vez em quando me dá uma pontada de raiva"

Dil Santos disse...

Dani amiga, como está?
Menina, gosto mais do fundo branco, kkkkkkk
Ai menina, brigado, fiquei tão feliz sabe, por ele ter chegado aqui e ser tão querido, rs
E lógico que vamos ter nosso chá das 17:00 com os meus biscoitinhos e olhe q eles são famosos viu? rs
Bjo

Dani Brito disse...

Dil - rs...são lindos demais! Olha mal vejo a hora hein...então eu vou fazer um macarrão que é minha especialidade(aa eu quero mostrar que também sei alguma coisa..rs). Amor eu vou trocar o fundo, é que agora to num momento darkness...to fazendo umas mudanças aqui..rs

Bru, são a cara da mãe, pode falar! rs..ai amor, sei lá na duvida achei melhor perguntar...que bom que é a pessoa certa! rs

Hslo - Não senhor, ele é MEU! kkkkkkk...óó Garry é o nome do melhor amigo do Bob Sponja..que lindo, adoro cocker!

João - Opa! Então eu acho que sou boa gente, acho! rs. Obrigada pela visita

Jujuba - Nem me fala, eu tenho vontade de morder aquela coisa gorda (eu não me aguento e mordo mesmo). Nossa gata, que triste. Eu também já perdi um que era extremamente apegado comigo. Ele comeu remédio que minha mãe descuidou e deixou fácil, e olha, doeu demais. Mas ninguém tem culpa nãom fazer o que né?! Eles estão em um lugar melhor...

Beijos meus amores

A Flor do Sul - Perah Hadarom disse...

Ai, ai, ai! Que gracinhas os teus filhores. O Apolo é tão fofinho, mas gostei mais da Maggi, mesmo pelo comportamento que tu disses que ela tem. Fiquei com peninha dos tempos em que ela estava com os outros donos. As pessoas pensam que bicho, só por ser bicho, é ser sem sentimento, batem e maltratam e não estão nem aí. Mas não é bem assim. Eles são como crianças, crianças que nunca crescem. Quem disse isso é a dona Mônica Zaniolli, mãe de minha amiga do peito, Deborah Zaniolli, que hoje está em Israel, e as duas são loucas por bichos. Eu também adoro, e prefiro gatos, que são mais fofos, mas se nós começarmos a discutir aqui sobre cão e gato... hunn!

Chou disse...

Eu vi que tem um weimaraner de pelo longo Voce ta pensando em colocar para cruzar? Estou muito interessada em um.

Related Posts with Thumbnails