"Milhares de pensamentos passam em nossas mentes todos os dias, todos os segundos. O mundo gira, a vida passa, nada para! Presenciamos coisas, fazemos escolhas, formamos opiniões. Poemas e versos se fazem sem que percebamos, então vamos concretizar os pensamentos! A liberdade de falar nem sempre nos é dada, ou mesmo que dada, nem sempre nos convém falar. Bem-vindos ao meu mundo. Falemos o que pensamos!"







quinta-feira, 15 de julho de 2010

Ganância ?



Acho que - acho, não - tenho certeza que eu e uma grande parte da população ficou chocada com o caso do goleiro Bruno (que eu já não aguento mais ouvir falar).
A part from that, a mídia embrulha o meu estômago. Odeio drama, sensacionalismo e acho ridículo os jornais, tentando de uma forma camuflada, como se quisessem dizer "olha eu não tenho nada a ver com isso", apontar vilão e vítima.
Aí fica todo mundo em cima do caso, só se fala nisso, se torna mais insuportável ligar a televisão, uma pressão totaaaaal para que "A Justiça Seja Feita" (vamos lá, mão direita no peito e digam amém: aaaaaaamém).
Justiça, gente? A política do nosso país é justa ?
Engraçado como pressão funciona né, e dá o resultado que o povo quer.
O povo queria que o casal Nardoni fosse preso. Alguem tem certeza de que eles foram culpados, alguém viu? Eles se entregaram? Não.
(Não estou defendendo, estou analisando por outro ponto)
E eles foram condenados.
E se nós agísssemos com a mesma convicção para mudar o sistema Governamental ?
Mas enfim, eu mudei o foco do início do post, vou retomar meu rumo e expor a minha visão sobre essa crueldade.
Como um ser humano é CAPAZ de fazer isso com outro? O que tem na cabeça?
Pra mim isso é tudo culpa do dinheiro.
Engraçado que depois que a pessoa morre ela se torna coitada.
A Elisa não era coitada. Pena é o pior sentimento que existe.
Fiquei muito irritada quando assistindo o jornal, eu ouvi algo parecido com: "Elisa, menina pobre que, na ilusão de um futuro melhor, tentava engravidar de um jogador de futebol para mudar de vida. Bruno, um garoto pobre que se iludiu com a fama e o sucesso, e se afundou".
É vomitante eu sei.
Desde quando pobreza é desculpa pra neguinho sair dando pra jogador até conseguir barriga? Desde quando pobreza significa falta de caráter e desculpa pra neguinho enriquecer, comprar mansões e ficar dando festa pra traficante e puta?
Pois bem, o filho estava lá, e ela não o fez com o dedo.
E o pai era supostamente Bruno.
Por que ele se recusou a fazer o teste para comprovar ? Não é homem pra fazer, então assume.
Homem, isso lá pode ser considerado homem? Mas nem animal, ele é um imbecil, escroto, criatura...(chega, né?)
Se ele não ajudava nem a mãe, vai ajudar o filho de um relacionamento paralelo ao casamento dele?
E a fama?
Acontece que a garota foi ameaçada de morte, foi agredida, sabia que ele não valia nada, e foi lá né, caiu no laço por culpa de quem? Do dinheiro!
A ganancia, gente. A pessoa perde a vida por ganância.
O homem perde a cabeça por causa do dinheiro.
E aí, olha só no que deu!
O que me deixa P da vida, é a cara de pau, e a coragem que os envolvidos tem (aquele tal de "Bola") de negarem o crime. Como uma pessoa dessa consegue dormir?
Gente eu nao acredito nisso. Não acredito que alguem possa ter tanta maldade no coração.
Acabar com a vida de alguém dessa forma, chocar o mundo, chocar a familia dela.
Ela certamente não merecia isso, ele não precisava permitir isso.
E eles (os participantes do crime) achavam o que? Que iam sumir com alguém e tudo ficaria bem, ninguem daria falta da garota.
INSANOS...
E a mulher do Bruno ainda ajuda! Dá para acreditar?
Agora o que me preocupa é essa criança, que vai crescer e um dia vai saber o que o pai permitiu que fizessem com a mãe. Olha só o exemplo que essa criança vai ter.
Fora o avô que é acusado de estuprar um menor de  10 anos!
Cara, é tanta coisa que nem novela e filme foram capazes de pensar em uma  história assim.
Tudo poderia ter sido diferente. Ela não precisava do dinheiro dele para sobreviver. Por acaso não era saudável, jovem e bonita? Por que não foi arrumar um emprego para dar uma vida digna pro filho já que ela não teve uma?
Quantas mães novas não ralam pra caramba para sustentar tantos filhos sozinha?
Ele também não é podre de rico? E porque ao inves de ficar usando drogas e gastando rios de dinheiro com farra, não ajuda o filho que ele fez por uma irresponsabilidade? Já que um cara casado tem que se por no lugar dele né?!
Infelizmente esse é o mundo de hoje, aonde, por dinheiro as pessoas cometem as coisas mais chocantes possíveis! TRISTE isso, viu, muito triste! Eu tenho pena deles.

7 comentários:

Elaine Gaspareto disse...

Dani,
Sabe de uma coisa? Pobreza virou motivo para tudo.
Deixa eu te contar: sempre fui pobre, bem pobre mesmo.
Estou inclusive rascunhando um texto sobre isso.
Mas apesar de pobre nunca fui puta, nem minha irmã, nem meu irmão, nem meus primos e primas. Apenas duas, para ser franca rsrsrs. E você disse tudo: por conta de querer se dar bem ela caiu no laço, sabendo que estava ameaçada. E ainda expôs o filho.
Ele é culpado? Não sei, parece que sim.
Mas que dá nojo ver Datena's e companhia ah isso dá!
Enquanto isso tem centenas de assassinatos ocorrendo e as elições que vêm aí... tanto sensacionalismo parece mesmo cortina de fumaça. Enquanto o povo banca o juíz esquece daquilo que realmente importa: as eleições! Isso sim pode mudar a nossa vida!
Vixe, escrevi um testamento rsrsrsrs
Beijossssss

~*Rebeca e Jota Cê*~ disse...

Dani,

O dinheiro, para muitos, é o senhor de todas as possibilidades.

Esse seu texto ficou ótimo.

Beijo imenso, menina linda.

Rebeca

-

Dani Brito disse...

Laine - Adoreeeeei sua expressão aqui, querida! Olha, o problema não está em ser pobre não, como a maioria pensa. Muitas pessoas pretendem subir na vida, só que tem pressa então fazem isso a qualquer custo. Quando na verdade deveriam subir degrau por degrau. Pois é, quantas pessoas não estão por aí passando por situações absurdas? Mas o povo gosta de reclamar, agir que é bom, necas!

Rebeca - É verdade. E quantas pessaos não viram escravas dele não é ? Obrigada, linda!

Beijoo pra vocês*

Bruno disse...

Apropósito, esse cabelo desfiado do desenho é um TUDO!!!

Bruno disse...

Revoltante!

Mas NOSSA! Que isso? "Elisa, menina pobre que, na ilusão de um futuro melhor, tentava engravidar de um jogador de futebol para mudar de vida. Bruno, um garoto pobre que se iludiu com a fama e o sucesso, e se afundou".

Geeeeeeeeeeeeente, sério... WHAT A FUCK??
Todo morto é santo, vide Michael Jackson que se canonizou. Ontem não tava comendo as criancinhas?
Leila Lopez ontem não tava dando pro Bazuca e sendo crucificada pelo filme porno?

Brasil... Brasil... Brasil... vamo acordar!

Linda, eu definitivamente ADORO seus comentários no blog.
To rindo até agora do ultimo!
"se vc morrer eu te mato" hahaha

BJão!

Dani Brito disse...

Pois é Bruninho, foi isso mesmo que o reporter disse (acho que não exatamente essas palavras ), quase vomitei. Mas é, as pessoas sentem piedade de morto, ah me poupe. Mete o pau quando ta vivo e na verdade deveria ser o contrário, valorizar em vida né? Depois que morre a pessoa não ouve mais.

Adoro esse cabelo também e vou fazer no meu, beijos!

A Flor do Sul - Perah Hadarom disse...

Querida Daniele;

A verdade é que, por não ter TV em casa, fico um pouco por fora dos acontecimentos, perco um pouco o que é notícia e sensação no momento. Fiquei a saber do facto pelos blogues que eu sigo, e o teu é o segundo que eu leio que fala sobre o caso.

Nem quero também saber disso, acho que dá nojo. Independente de quem é culpado de que, de quem é pai de quem, de quem fez o que, acho uma pena o menino ficar sem mãe. E, os que estão vivos nessa história, amiga, se Deus existe eles vão ter que prestar contas um dia. Não importa quem foi o assassino da moça, ninguém tem o direito de tratar um ser humano como se fosse uma borracha que apaga uma coisa feia que o lápis escreveu na folha do caderno! Matar um ser humano é uma coisa que eu nunca teria coragem nem vontade de fazer na minha vida, e olha que sei o que é gente ruim! Tenho muitos pecados, mas jamais sujarei minhas mãos de sangue.

É só isso que eu queria dizer. Porque eu acho que gente não é lixo! Tem que ser respeitada, não importa se não é agradável a sua presença para nós ou não; porque se também queremos respeito dos outros, temos que saber sermos gente nesse mundo, amiga.

Abraços!

Related Posts with Thumbnails